BALMAIN COMEMORA SEUS 75 ANOS COM UM DESFILE, CRUZANDO O RIO SENA – PARIS

Balmain

Após o confinamento em Paris, BALMAIN COMEMORA SEUS 75 ANOS COM UM DESFILE, CRUZANDO O RIO SENA – PARIS. Um verdadeiro show de Alta Costura com seu desfile Sur Seine, de comemoração aos 75 anos da grife. Dentro de um barco coberto de plataformas espelhadas, cruzando o Rio Sena. Tudo isso sob a direção Olivier Rousteing, diretor criativo da Balmain. O show foi uma comemoração à feminilidade, à alegria e ao retorno à vida, sempre respeitando o distanciamento social

Balmain

A Balmain, essa Top Marca Francesa, usou ingredientes super especiais para a comemoração: A vista da Torre Eiffel, o Rio Sena, performance musical ao vivo com a cantora francesa Yseult (essa criatura tem voz de anjo) e com um grupo de dançarinos – liderados pelo coreógrafo Jean-Charles Jousni. Tudo aconteceu ao longo do percurso do Rio Sena e com modelos descalços que exibiam arquivos de alta-costura da marca. Sim, os modelos usaram criações do arquivo da grife, guardados durantes esses 75 anos de história.

Balmain
A cantora francesa Yseult, fazendo seu super show durante o desfile

Quem conhece Paris, sabe que o Rio Sena corta a cidade e, navegando por ele, temos como ver vários pontos turísticos como a Torre Eiffel, a Catedral de Notre-Dame, as pontes históricas que cobrem o Rio… É um show de luxo e glamour. Olivier Rousteing, o atual diretor artistico (designer) da marca, não poderia ter escolhido um lugar mais lindo e majestoso. Palmas para ele até o final do ano!👏👏👏

Balmain
O Rio Sena cortando a cidade de Paris e coberto por várias pontes histórias, cinematográficas.

Modelos sendo refletidas nos espelhos do barco, posaram como estátuas vivas nas plataformas separadas minuciosamente, respeitando o distanciamento social. Trouxeram a essência da marca e a delicadeza da Alta Costura. Peças do arquivo de Pierre Balmain e seus sucessores como Oscar de La Renta e Erik Mortensen, e criações de Alta Costura projetadas pelo próprio Olivier Rousteing, marcaram o dia histórico na trajetória da grife.

Balmain
Modelos com as peças do arquivo da grife

 

Balmain
Além das peças do arquivo, criações do estilista da marca já há 10 anos Olivier Rousteing

Apresentações de dança e pequenos shows ao vivo, vem aparecendo com frequência nos eventos da marca. O eclético diretor artistico Olivier Rousteing, tem incluído música em seus desfiles. Nesse desfile inusitado, ele também contou com um grupo de dançarinos que fizeram lindas coreografias enquanto o barco cruzava o Rio mais glamouroso do planeta…coisa mais linda. Se estiver curiosa, dê um google aí em vídeos do desfile da Balmain e deslumbre-se!

O grupo de dançarinos – liderados pelo coreógrafo Jean-Charles Jousni.

A celebração foi transmitida ao vivo pelo aplicativo TikTok ( olha o TikTok se espalhando pelo mundo da moda amiga, vamos ficar ligadas também nesse canal de divulgação ). Segundo a grife, esta foi a primeira live de um evento de uma marca de luxo na plataforma. Enquanto o barco navegava por trechos de Paris, o público da capital francesa acompanhou tudo pelas margens do rio e pelas pontes que o cobrem, mantendo o distanciamento social.

Balmain
Observe o público assistindo o show + desfile as margens do Rio

Assim como fez Pierre Balmain, ao lançar a silhueta pós-guerra Jolie Madame, em 1945, Rousteing encarou o show como um ato esperançoso em relação à pandemia. “Meu objetivo é e será sempre espalhar um pouco de beleza e amor no mundo em que vivemos”, comemorou o designer da grife em seu Instagram.

Balmain

“Há 75 anos, nosso fundador decidiu arriscar-se durante um período incerto e inaugurar sua casa de alta-costura. O que a maison Balmain e seus diretores criativos produziram, década após década, foi um ingrediente-chave ao renascimento do pós-guerra da moda parisiense”, disse Rousteing em comunicado à imprensa. “Estamos felizes em apresentar alguns de seus incríveis e atemporais designs.” Atemporais mesmo, você vai constatar nas fotos que são looks alta costura totalmente usáveis em nossos dias.

Balmain
Looks do acervo com a Torre Eiffel ao fundo… AMAMOS!!

Os trabalhos do passado conversaram com algumas das principais contribuições de Olivier Rousteing para a grife durante os últimos 10 anos, também exibidas no evento, como casacos e vestidos de alfaiataria. Os looks incluíram ainda modelitos usados por celebridades como Beyoncé e Kim Kardashian.

Todo o conceito do evento flutuante foi desenvolvido por Andrew Makadsi, conhecido por trabalhar com Beyoncé (áhh que coisinha mais simples, SQN).

Balmain
Mais looks dos arquivos

“Amo trabalhar em uma grife que me apoia tanto e que se uniu à minha busca pela inclusão e mudanças desde o meu primeiro dia de trabalho”, comemorou Olivier. Vale destacar que o show ocorreu na véspera da primeira edição totalmente digital da Semana de Alta-Costura, com maisons como Schiaparelli, Dior e Chanel na programação.

Balmain

Balmain desenvolve projeto on-line para compartilhar processos de criação. Coerente com os protestos recentes ao redor do mundo, o estilista fez um aceno ao Black Lives Matter. Ele reafirmou a importância de ser um homem negro à frente de uma grife. “Quero mostrar às pessoas que esta era uma casa francesa clássica e hoje sou o diretor artístico dela. Sendo meio etíope e meio somaliano, mostro a diferença entre agora e antes”, contou a um crítico da Vogue britânica.

Balmain
Olha ele aí, o poderoso Olivier Rousteing. O estilista que assina os looks atuais da grife. Responsável por looks inclusive da diva Beyoncé

Vamos combinar, que vitória! Porque não podemos fingir que o mundo é generoso com todos de igual forma. Existe sim ainda muito preconceito, existem sim seres humanos que diferenciam pessoas por sua cor de pele e infelizmente, vemos muito isso na alta classe acostumada a consumir a Alta Costura. Então ter um estilista negro a frente de uma grife do porte da Balmain, é sim uma superação a ser celebrada por todos nós humanos, que sabemos que ninguém é melhor que ninguém, a não ser pelo caráter. Mais palmas para Olivier Rousteing 👏👏👏

Balmain
Uma foto TOP para terminar esse artigo a altura da grife

Rousteing aproveitou a oportunidade para destacar o apreço que tem por Paris, sua cidade natal. A própria Balmain é muito ligada à capital francesa, onde foi fundada. “Paris é muito mais do que suas famosas avenidas, elegantes pontes e arquitetura icônica. É a mistura de refinamento, liberdade, diversidade e criatividade da Ville Lumière de hoje, que inspira a mim e minha equipe enquanto trabalhamos em nossas coleções”, destacou.

Tem como não se encantar com tanto glamour e criatividade? Impossível! Esperamos que você tenha curtido essa viagem ao luxo e glamour que essa comemoração dos 75 anos da grife, nos proporcionou.

Clique no botão amarelo e assista a aula que a nossa amada Teacher Dany Padilla, preparou para você com tanto carinho. 

Um beijo no ❤️

Escrito por Carla Lúcia Braga/ Equipe Escola de estilo

Compartilhe com seus amigos

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo