UPCYCLING – ENTENDA ESSE CONCEITO DE REAPROVEITAMENTO NA MODA

Capa

O que é o upcycling? Entenda tudo sobre esse conceito de reaproveitamento na moda. O termo é meio “estranho”, mas é apenas uma nova forma de ver a moda. Se você tem algum envolvimento com moda, principalmente a sustentável, já deve ter ouvido esse termo por aí. Caso não tenha escutado, muita calma nessa hora que trouxemos todas as informações para você entender tudo sobre essa arte de customização.

Então, upcycling nada mais é do que uma forma de customizar roupas, porém é muito mais que customizar um jeans velho, usado.

O upcycling na verdade, traz um novo conceito e propósito para materiais a princípio seriam descartados. Com o upcycling, agregamos valor com criatividade as peças.

upcycling
Denim e Swarovski lançam linha jeans focada no upcycling

Uma opção para marcas que querem apostar em uma produção mais sustentável no mercado de moda. Transformar produtos, dar uma “cara” diferente ao estoque que está parado ou muitas vezes esquecidos no armário.

O intuito é fazer a roda girar e dar continuidade ao produto sem a necessidade de novas matérias primas. Nada tem a ver com a simples reciclagem de materiais, até porque a reciclagem em geral converte os materiais em produtos de qualidade inferior.

A técnica surgiu em 1990, tornando-se mais conhecida em 2002 associada ao conceito de reaproveitamento, de continuidade do “ciclo de vida” do produto.

upcycling

Deixando claro que o termo upcyling não é novo. Upcyling é uma palavra muito utilizada no livro Cradle to Cradle, lançado em 2002 e escrito por Michael Braungar e William McDonough. A obra explora, justamente, a relação da humanidade com o lixo que produz.

Mas como isso acontece? Você deve estar se perguntando… É simples, podem ser agregados bordados manuais ou até mesmo feitos a máquina por bordadeiras. Uma “cara nova” para os vestidos, bolsas, blusas, shorts…

upcycling

O conjunto de blazer e calça pode virar um lindo short e um colete de alfaiataria (excelente ideia para quem encalhou o estoque de inverno e deseja dar uma “cara nova” para um look de verão). Uma calça jeans vira uma minissaia, um short boyfriend… Uma pashimina vira fácil um kimono…

Eu mesma que escrevo este, ganhei em um evento de moda uma pashmina da marca Amissima e era linda, porém enorme e eu já tenho muitas pashminas.

Como minha mãe sempre costurou, foi só dobrar ao meio, costurar dos lados deixando um espaço para colocar os braços e pronto, ganhei um lindo kimono de seda. O que é isso? É upcycling, é customização!

Farm
Ficou bem parecido com esse da foto

E tudo bem se você é dona de loja de roupas e não domina costura, bordados. Não é preciso ser designer ou costureira para começar a customizar roupas. Além de existirem infinitos tutoriais no YouTube, você pode somente criar a ideia e mandar para uma profissional executar.

Existem muitas costureiras e modistas com um trabalho exemplar que podem sim dar uma nova “roupagem” as peças que você não vendeu em sua coleção passada, ou até mesmo dar um novo viver para as suas peças que estão esquecidas no armário.

upcycling

Olha que interessante seria você aconselhar a sua cliente na hora da consultoria de imagem, a dar um UP em uma bolsa que ela ama, mas não está tão em alta, com bordados e apliques… Além da sua cliente ficar super feliz de não ter que descartar uma peça queridinha, ainda economiza e você gera trabalho para uma terceira pessoa. É ou não uma ideia super bacana?

upcycling
Desfile da grife holandesa Viktor & Rolf

O melhor de tudo é que, além de ter uma peça nova no armário, você também gera uma outra visão sobre o mundo e a sua própria função.

Diversas marcas no Brasil e no mundo já aderiram ao upcycling. Desde a alta costura – a grife holandesa Viktor & Rolf reutiliza retalhos de tecidos antigos para criar vestidos de luxo, até as marcas de fast fashion, como a Renner por exemplo, que lançou uma linha de biquínis feita com resíduos de têxteis em sua coleção atual de verão.

Renner
Upcycling na Renner

A Comme des Garçon e Stella McCartney são outras marcas que utilizam a técnica em suas coleções. A Comas, que faz upcycling com camisas; a Insecta Shoes, que leva os tecidos de reuso para seus sapatos incríveis e veganos; a Renata Buzzo, que apresenta sua coleção na Casa de Criadores com tecidos que iam parar no lixo. A Hamish Bowles tem uma coleção de moda de dar inveja!

A Cavalera já lançou linhas de roupas e acessórios feitos com materiais de reuso (sacos de cimento, por exemplo).

upcycling

Além disso, a prática já chegou nas universidades de Londres. A London College of Fashion tem, desde 2007, um setor que estuda o upcycling como uma das alternativas para o mundo da moda.

Olha que interessante, A NK Store apresentou em março do ano passado, uma ótima inciativa de upcycling. A multimarcas recomprou peças de seus clientes, reutilizando tecidos e devolvendo-as às araras em uma ação beneficente. As peças foram customizadas e sua renda será 100% revertida para duas instituições: o Projeto Arrastão, em SP

 upcycling
NK Store

Upcycling não é tendência, é uma nova forma de produção e consumo com evoluções benéficas para o meio ambiente e para o consumidor final.

Essa prática na moda envolve estilistas, bordadeiras, costureiras, modistas, brechó, acervo de coisinhas para customização e venda de peças totalmente inovadoras. A necessidade de repensar a nossa relação com o mundo é PRA ONTEM, É URGENTE!

Isso sem falar que tornar a peça exclusiva, só aumenta seu valor no mercado da moda. Imagina uma simples jaqueta jeans com um lindo bordado nas costas…

Tantas grifes já dão essa “carinha única” nas peças, porque não fazer com as peças de sua loja? Dessa forma, além de agregar valor criativo, o ciclo de vida da peça ainda dobra, não é excelente?

Upcycling

Como disse Lavoisier: “Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”.

Caso você já seja uma modista, use e abuse de tecidos que estejam encalhados e que possuem a mesma gama de cores. Juntos eles podem muito bem virar um vestido estiloso e tendencioso.

Um excelente exemplo de moda com mix de tecidos e que hoje é campeã de vendas em todo o Brasil, e no seu e-commerce, é a Farm, que começou com a criatividade dos sócios Kátia Barros e Marcello Bastos em um stand de apenas 4m² na BABILÔNIA FEIRA HYPE em 1997 no Rio de Janeiro. Dois anos depois, a dupla inaugurou a sua primeira loja, em Copacabana, no Rio.

Farm

Observe na foto acima e abaixo, a coleção nova deles, observe a mistura de tecidos. Eles ainda mantêm a mesma ideia inicial de muitas cores e bastante originalidade em suas peças, que englobam roupas, bolsas, sandálias, tênis, mochilas…

Você modista, você lojista, essa matéria é principalmente para VOCÊS! Ousem e reaproveitem o mesmo princípio de mix de cores e tecidos da Farm… tem como perder alguma coisa? É ou não uma excelente saída para você ter produtos exclusivos e não precisar fazer promoção com suas peças.

Upcycling

DICA: Fique de olho nas tendências de cores, nas estações e assim ficará bem mais fácil fazer essas mudanças e personalização em suas peças de forma assertiva, ok?

Curtiu descobrir o que é e como é o upcycling? É super importante para VOCÊ consultora de imagem, personal Stylist, lojista de moda… Estar sempre por dentro de tudo que a moda nos oferece, assim você pode criar estratégias de venda, de renovação de estoque.

Quer saber mais? Clique no link abaixo e assista GRATUITAMENTE o minicurso que nossa Teacher Dany Padilla preparou para você com todo carinho.👇👇👇

COMO SER SUA PRÓPRIA PERSONAL STYLIST – ONLINE E GRATUITO

Um beijo carinhoso de toda Equipe Escola de Estilo

Escrito por Carla Lúcia Braga/Equipe Escola de Estilo

 

Confira outras matérias

Compartilhe com seus amigos

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo